Notícias

Educação especial  através da integração dos sentidos

As surpresas que envolvem o nascimento de um filho deficiente impulsionaram a construção de um espaço de socialização que surgiu dentro das necessidades da própria família.
Mãe de uma filha com deficiência mental profunda, Alayde Sousa Melo Tibo investiu sua capacidade e sensibilidade na educação especial após o nascimento de sua filha Lígia, que era, como ela mesma definia, “sua estrela-guia”.
Pautada pelos ensinamentos da educadora Helena Antipoff, Dona Alayde, como era mais conhecida, conheceu na educação especial “a verdadeira pedagogia do amor”. Movida pela fé e pelos ensinamentos educacionais de Dom Bosco, pensou: “Se não havia em Belo Horizonte uma escola para crianças portadoras de deficiência mental em nível severo, eu haveria de criar uma”. Surge, em 1961, a Fundação Dom Bosco.
A Fundação Dom Bosco é mais do que uma entidade filantrópica, é a segunda casa de aproximadamente 500 pessoas portadoras de deficiência intelectual e múltipla. Com duas unidades em Belo Horizonte, a Fundação é Escola Especial e Clínica de Reabilitação. Alunos e pacientes encontram educação, arte, saúde, cultura e bem-estar com todo o carinho do mundo.

O Projeto Integração
dos Sentidos
Este projeto surgiu da necessidade de educar, de forma integral, pessoas com deficiência intelectual e/ou múltipla. Trabalhar com educação especial através de oficinas é fazer com que o conhecimento transforme. Dessa maneira, o aluno torna-se protagonista da história que culmina na transformação de toda a família e comunidade envolvida.
Foram elaborados espaços onde a pessoa com deficiência intelectual e/ou múltipla explora seus sentidos, recriando suas vivências e exteriorizando suas experiências.
As oficinas permitem potencializar os sentidos dos alunos com ampliação da percepção de si e do mundo; estimular a elaboração do pensamento com a ampliação da capacidade de exteriorizar suas vivências e recriar a sua história; promover a expressão artística com valorização do potencial criativo e expressivo; estimular a autoestima; trabalhar a integração sensorial, objetivando a melhoria da organização do comportamento e estimulando a comunicação, o que promove maior integração da pessoa com seus grupos.
O trabalho busca também o desenvolvimento da percepção sensória do próprio corpo, despertando a consciência de si mesmo e do outro, proporcionando condições de melhor consciência e convivência com o próprio corpo.
O fazer artístico é uma forma de potencializar a percepção e o processamento do meio externo mediante estímulos teleceptivos, ou seja, estímulos advindos dos sistemas sensoriais, principalmente o visual e o auditivo, que ativam diversas regiões cerebrais.

Oficinas desenvolvidas
As oficinas desenvolvidas no Projeto Integração dos Sentidos são: Grupo de Percussão Arte & Som; Danças Folclóricas Dom Bosco; Oficina de Artesanato e Projeto Tocar e Sentir, que surgiu do projeto internacionalmente consagrado da Artista-Educadora Eni D’Carvalho.
Os resultados alcançados pelas oficinas já são um sucesso para a Fundação Dom Bosco. Além de ensinar aos alunos um ofício, democratiza-se a arte, oferecendo-a através da percepção dos sentidos e promovendo a sustentabilidade nos projetos desenvolvidos. Dessa forma, estamos conquistando visibilidade e inclusão social para pessoas com deficiência intelectual e/ou múltipla.

Administração estratégica
Desde 2014, a Fundação Dom Bosco atua com Administração Estratégica. Desta forma, fez-se necessário implantar diversas ferramentas de gestão. O objetivo deste trabalho é determinar as diretrizes e valores que os lideres utilizam para que a organização tenha um desenvolvimento ao longo prazo de acordo com a Missão e Visão.
E você? Gostaria de fazer a diferença na vida dessas pessoas e fortalecer o trabalho da Fundação Dom Bosco? Entre em contato conosco e nos conte como você gostaria de ajudar. Toda e qualquer forma de ajuda é mais que bem-vinda.
Venha conhecer de perto nosso trabalho. Possuímos uma Galeria de Arte Inclusiva permanente, onde visitas monitoradas podem ser agendadas pelo E-mail: instuticional@fundacaodombosco.com
O pouco que você pode fazer é muito para quem precisa!*

Para conhecer
melhor a Fundação,
acesse:
www.fundacaodombosco.org
Curta no Facebook:
Fundação Dom Bosco

Deixe uma resposta